fbpx
MENU

Jardim vertical em casa! Aprenda a construir o seu.

Todos sabemos que nossas cidades cresceram de forma desordenada. Da mesma forma, em nossas casas, é comum também querermos ocupar com área construída cada centímetro quadrado do terreno, mesmo que isto desrespeite a lei de uso e ocupação do solo de sua cidade e pior, mesmo que isso intensifique ainda mais os problemas ambientais do planeta. Sim! Todos temos responsabilidades ambientais e muitas vezes, infelizmente, as negligenciamos. Uma ação da prefeitura de São Paulo pretende impulsionar a utilização das empenas cegas de grandes prédios para resolver problemas ambientais, como compensação (TAC-Termos de ajuste de conduta) das incorporadoras por exemplo. Segundo os técnicos, além de melhorar a paisagem urbana, os jardins são capazes de contribuir na filtragem da poluição do ar, reduzindo em até 30%, e diminuem em até 7ºC a sensação térmica do edifício onde estão instalados, além de beneficiar também o seu entorno. As plantas auxiliam também no controle da umidade e representam uma significativa barreira acústica. Os pássaros também agradecem! Mas isso não funciona somente em grandes prédios ou áreas públicas. Em casa também podemos e devemos ajudar o meio ambiente. Sabe aquela plantinha no vaso? Ela também, mesmo que de forma muito modesta, contribui para o microclima e […]
Read More ›

Os apartamentos pequenos e a escolha do mobiliário mais adequado 1 de 4.

Não é novidade para ninguém que os apartamentos estão perdendo tamanho. Os studios, uma releitura bem próxima das quitinetes lá em 1980, estão cada vez menores. Um dos últimos lançamentos da construtora Vitacon anuncia a venda de apartamentos com 14m². Isso mesmo! Quatorze! No Brasil isso parece bem apertado não é mesmo? Mas em Paris um apartamento de 8m², projetado pelo escritório Kitoko Studio, põe a prova esta nossa inabilidade com a falta de espaço, provavelmente oriunda da percepção que temos de território, já que moramos em um pais com dimensões continentais. Repito, são apenas 8m² para cozinhar, guardar, dormir, tomar banho, enfim, tudo o que você faz no dia a dia. E tudo indica que teremos que nos acostumar com isso, segundo o SECOVI-SP, em 2010, a cidade contava com um estoque de 455 unidades e, em dezembro de 2015, este número inflacionou 1.700%. Atingiu, portanto, um estoque de 8.227 unidades. Mas cabe lembrar que estes apartamentos são procurados e cobiçados por um público bastante específico. Na maioria das vezes trata-se de solteiros convictos, casal homossexual (quando não querem filhos), estudantes e idosos. Sem contar os executivos que dormem durante a semana nestes apartamentos e voltam para suas casas, […]
Read More ›