fbpx
MENU

Revista Casa & Decoração

0
1505
0
Feito para receber! Revitalizar um espaço, dando uma nova roupagem para ele nem sempre é tarefa fácil. Ainda mais quando se tem um apartamento da década de 1970. Neste projeto do escritório Andrade & Mello Arquitetura e Interiores, o desafio era exatamente esse: criar uma morada contemporânea e com espaços funcionais, pois os moradores recebem muitos convidados e desejavam integração entre a cozinha e o estar para interagir com cada pessoa presente, inclusive com a linda cadela do casal, a Melancia. Veja mais aqui.
Read More ›

Revista Minha Casa Julho 2016

0
1429
0
33 m² sob medida “Planejar cada uso da marcenaria torna o espaço extremamente organizado  e , com ordem, qualquer ambiente parece maior”, afirma a Arquiteta Erika Mello, do escritório Andrade & Mello Arquitetura e Interiores, responsável pelo bem-elaborado projeto que você conhece a seguir. Antes de decorar o lar de uma pessoa, é essencial conhecer seu perfil- afinal, saber se ela gosta de reunir a turma ou se costuma levar trabalho para casa pode interferir em decisões importantes. ” As necessidades do cliente estabelecem os níveis de prioridade do projeto”, declara Erika Mello. A profissional seguiu a regra à risca para adequar este apartamento paulistano ao cotidiano de sua moradora – e também, é claro, para deixá-lo lindo. Veja mais aqui!
Read More ›

Revista Arquitetura & Construção

0
1533
0
Mudança de vida: móveis multiuso, pisos práticos, quarto que vira home theater e outras ideias mágicas para espaços pequenos. A oportunidade de arrematar este imóvel apareceu de repente na vida da administradora de empresas Adriana Bernardes, de São Paulo. “Minha amiga estava se mudando para o Rio de Janeiro. Era pegar ou largar”, brinca a moça, que, a princípio, estranhou a ideia de viver num flat. Em dois meses, os 36 m² se transformaram nas mãos dos arquitetos Renato Andrade e Erika Mello, graças à redistribuição da planta, aos novos acabamentos e à marcenaria impecável, com direito a uma tábua de passar escondida.  “Adorei tudo. E eu que achava que não caberia nada hoje tenho gavetas vazias”, diz. Para entender melhor como funciona este espaço. Veja mais aqui!
Read More ›